Apoio:
O grande barato do meu Programa na Internet é que ele me permite viajar pelo Brasil. Não sei se é porque sou estrangeiro, mas o fato é que fico embasbacado com as belezas e fascínio de alguns lugares que conheço. Esta seção é o caderninho de anotações das minhas viagens, nacionais ou internacionais. São recomendações pessoais das coisas que mais me impressionam e que, tenho certeza, contribuirão para tornar as suas viagens ainda mais gostosas.
Diário Do Olivier em Paris
Nesse Primeiro episódio Olivier visita uma Péniche, um barco característico que há mais de Dois séculos transita pelos rios e canais da Europa. Foi nesse clima maravilhoso que Olivier preparou uma das receitas mais tradicionais de Paris. .



Revisitando Paraty
Já a visitei muitas vezes, mas nunca fui íntimo dessa cidade. Para quebrar o distanciamento, resolvi marcar um reencontro com Paraty.

Araguaia
Foi por acaso que resolvi viajar para uma cidadezinha lá no extremo noroeste do Mato Grosso, quase divisa com o Pará.



Olivier em Portugal
Em 2002, eu viajei por Portugal a bordo de uma cozinha itinerante para gravar uma série de programas. Foi uma correria, mas eu visitei o país inteiro, do norte ao sul, do leste a oeste. E me surpreendi com um outro lado de Portugal que não conhecia.


Ilha de Marajó, Alcântara e São Luís
No Maranhão, conheci a única capital brasileira fundada por franceses, com seu deslumbrante centro histórico, e a agradável cidade-monumento de Alcântara. De lá, segui viagem para descobrir mais um paraíso da natureza do Brasil: a ilha de Marajó.


Comitiva
Uma verdadeira aventura em pleno Pantanal. Descobri a exuberante natureza deste patrimônio da humanidade de uma maneira diferente: no lombo de uma mula, acompanhei uma comitiva de peões na condução do gado das áreas inundadas para as pastagens secas.


Guaxupé
Para conhecer tudo sobre café, fui até a cidade que respira o aroma deste delicioso grão: Guaxupé, no Sul de Minas Gerais. Uma viagem encantadora pela história, plantações e poesia desta região.


Jericoacoara
Pode-se dizer que é parte do paraíso. Um lugar mágico. Vou te contar sobre Jericoacoara o lugar onde abri o “ALOHA” meu primeiro restaurante.


Belém do Pará
Minha primeira recomendação para quem vai a Belém é a seguinte: se você estiver andando pela rua e avistar uma porta entreaberta, entre. As belezas estão onde menos se espera.